Apresentações culturais e abertura da Feira de Negócios marcaram a primeira noite do evento

Mais de duas mil pessoas lotaram o Centro de Convenções do Hotel Recanto Cataratas, em Foz do Iguaçu, para a abertura do X Encontro Nacional da Mulher Contabilista, na noite desta quarta-feira, dia 12. Promovido pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC), em parceria com a Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon), Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC) e com o Conselho Regional de Contabilidade do Paraná (CRCPR), o evento é um dos maiores do setor no Brasil. Com o tema “Energia, conhecimento e arte”, o encontro promove o debate acerca de assuntos da área contábil, além de discutir a atuação da mulher no desenvolvimento econômico do País e traz palestras e painéis focados em liderança, gestão de pessoas, governança e saúde.

A solenidade reuniu diversas autoridades da área contábil e empresarial  e também foi marcada por suas apresentações culturais, como o espetáculo de dança “Lendas das Cataratas”, que contou sobre o surgimento do famoso cartão-postal da cidade.

Mulheres no foco

A anfitriã e presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Paraná (CRCPR), Lucélia Lecheta, abriu a solenidade enaltecendo o sucesso das inscrições e o planejamento necessário para a produção de um evento deste porte. Segundo ela, foram meses de preparação para que o Encontro seja, mais uma vez, inesquecível para os participantes. “Foz do Iguaçu é, sem dúvidas, a cidade mais preparada para receber mais uma edição deste encontro. Queremos que saiam  daqui com  a certeza de que valeu a pena”, afirmou.

A intensa participação da mulher na área contábil foi destacada pela coordenadora nacional do Projeto Mulher Contabilista e presidente da Abracicon, Maria Clara Cavalcante Bugarim, especialmente após a crescente ocupação das vagas nos cursos de graduação, do aumento do número de registros no Sistema CFC/CRCs e da maior participação em cursos de pós-graduação. “Podemos constatar também a forte presença das mulheres no movimento empreendido, em todo o território nacional, pela Academia Brasileira e pelas Academias Regionais de Ciências Contábeis, objetivando elevar o nível técnico-científico da profissão, por meio do desenvolvimento das Ciências Contábeis”, frisou.

Visão feminina como força de desenvolvimento

Após a citação de um poema do escritor colombiano Gabriel García Márquez, o presidente da Fenacon, Mario Elmir Berti, comentou que a participação intensa em um evento como esse é fundamental inclusive para repensar as práticas profissionais. Para tanto, disse que é necessário agir com sensatez, porém, sem perder a sensibilidade. A ideia também foi compartilhada pelo prefeito de Foz do Iguaçu, Reni Clovis de Souza Pereira, ao pontuar a criatividade, característica peculiar feminina, como importante artifício na superação da crise.

A presidente da Federação Internacional de Contadores (Ifac), Olivia Kirtley, foi enfática ao falar do poder da mulher em diversos aspectos da sociedade. “É preciso que a mulher tenha ainda mais coragem. Precisamos estar dispostas a agir quando for necessário, pois é justamente quando temos dúvidas que podemos adquirir ainda mais conhecimento. Com os desafios vêm as oportunidades”, colocou Olivia.

Por fim, o presidente do Conselho Federal de Contabilidade (CFC) José Martonio Alves Coelho, lembrou o amadurecimento das mulheres na área contábil e destacou a realização de eventos como este como catalisadores de mudanças. “Os Encontros da Mulher Contabilista têm a finalidade de ampliar fronteiras, de permutar experiências, de enriquecer o currículo, de sondar os rumos e as oportunidades do mercado de trabalho, de ampliar as relações profissionais”, finalizou.  

Também compuseram a mesa diretiva o representante da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas de Portugal (OTOC), António Domingues de Azevedo; a presidente do Conselho Diretor do Instituto Americano de Contadores Públicos Certificados (AICPA), Tommye Barie; a diretora Financeira e Executiva da Itaipu Binacional, Margaret Mussoi Luchetta Groff; o presidente da Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC), Juarez Domingues Carneiro; o presidente da Diretoria Nacional do Instituto dos Auditores Independentes do Brasil (Ibracon), Idésio da Silva Coelho Júnior; e os detentores da “Medalha Mérito Contábil João Lyra” Antônio Carlos Nasi e José Maria Martins Mendes.


SESCAP-PR marca presença

O presidente do SESCAP-PR, Mauro Kalinke, participa dos três dias do evento, juntamente com diretores da entidade: Regina Borges Lago, Amauri Nascimento, Ormélia Silva, Eva Schran, Nelson Zafra, e da gerente geral da entidade, Erinéia Araujo. As diretoras do Instituto SESCAP-PR - IESCAP, Tânia Pereira, Elisete de Carvalho Bazzo e Ana Claudia Cerrato Kruger  também prestigiam o evento. Além disso, o SESCAP-PR também está presente na Feira de Negócios, juntamente com a Fenacon, em um estande onde são divulgados os principais produtos e serviços ofertados pela entidade. Na ocasião é feito o pré-lançamento do 3° Encontro das Empresas de Serviços – Enescopar, que ocorrerá nos dias 3 e 4 de março de 2016, em Curitiba.

Apresentação Cultural

A solenidade de abertura teve ainda a uma apresentação da Orquestra Paranaense de Viola Caipira  da FAG, durante o coquetel de confraternização.

Confira aqui imagens do primeiro dia do evento.